Final Fantasy XIII: Seis jovens lutando contra um destino:destruir o mundo onde vivem

Prelúdio

wp_finalfantasy13_1920x1080

Nunca um game da série FF despertou tanta controvérsia antes.FFXIII surpreendeu a todos os jogadores em 2010 ao oferecer uma experiência que o distanciou ainda mais dos primórdios da série,algo tão intenso que apenas suas subsequências teriam permissão pra tamanha ousadia.Com seu papel de sempre se reinventar FFXIII é o título principal mais ousado e polêmico de todos os tempos,capaz de abandonar convenções e oferecer uma experiência diferente de qualquer outra do gênero,tão diferente que até mesmo poderia ser considerado um novo jogo ou gênero,capaz de transcender o estilo ao qual pertence. Em tempos onde a palavra linear se tornou um defeito graças a seus imensos jogos sandbox que oferecem mundos imensos pra se fazer o que quiser, FFXIII(e muitos títulos lineares como ele) sofrem repúdio, sendo ignorados pela mídia e seu padrões e valores engessados que tentam determinar o que é ou não um RPG(ou jogo de outro tipo) de verdade e o que é ou não um FF de verdade.Aqueles que não o seguem são criticados duramente as vezes sem sentido ou muita coerência,sem tentar analisar as intenções de seus autores. Como sou aberto as mudanças inovações e novas formas de se jogar fui muito mais receptivo e entendi as idéias de seus idealizares então vamos olhar mais profundamente aquilo que considero como a experiência cinematográfica definitiva dos JRPGs Continuar lendo

Kamen Rider Fourze:o poder shonem da amizade e um clima escolar no Kamen Rider inovador

Imagem

Se tem uma coisa que eu adoro é quando séries que não daria a mínima me fazem queimar a língua,mostrando o contrário e me conquistando com o tempo.Foi assim com Gundam AGE,uma série completamente diferente do habitual,com um elenco jovem e um estilo mais infantil que lembra o estilo de osamu Tezuka,ou Final Fantasy X-2 com um tom mais humorado,um trio de garotas e elementos pop totalmente contrastantes contrastantes com a série de RPGs e com anterior Final Fantasy X.
Ao ver Kamen Rider Fourze,com aquele visual estranho com aquela cabeça de foguete,um ambiente escolar estranho,cheio de esteriótipos de séries americanas e que nem parece uma escola japonesa,e um protagonista com visual de badboy mas que quer se ornar amigo de todo mundo,e lutas malucas com armas malucas como um pula-pula e tesoura me fizeram torcer o nariz pra esse KR,mas sua trama escolar era interessante e fui em frente.Conforme assistia me apeguei a série,e seu carisma elevado,e seu clima super pra cima ,alegre e contagiante acabou me atraindo cada vez mais.Sem perceber Fourze me conquisto assim como o protagonista Gentarou conquista uma nova amizade na série. Continuar lendo

Análise:Evangelion 3.33 You Can [Not] Redo: Você pode [não] entender este filme

Imagem

O novo filme de Evangelion já causa polêmica.Não pude ler as críticas do exterior mas aqui no Brasil quem viu está com um ódio profundo da Gainax.Isso porquê ao invés de um filme que desse algumas respostas e deixasse novas perguntas a serem respondidas no derradeiro último filme,tivemos um longa com uma narrativa confusa e uma abordagem estranha.Então vamos analisar o motivo de tanta polêmica agora

Continuar lendo

Medaka Box: o shonem mais troll de todos os tempos

Imagem

Medaka Box conseguiu me enganar. O mangá de autoria de Nisio Ishin, cujo anime é produzido pelo renomado estúdio Gainax começa como um gag mangá, ou seja,um mangá de comédia episódica mostrando a protagonista Kurokami Medaka que assume a presidência do conselho estudantil e passa a ajudar todos os estudantes a resolver seus problemas com a caixa de sugestão arrastando seu amigo de infância Hitoyoshi Zenkichi junto.Ela ama as pessoas mais do que qualquer um e resolve se dedicar a ajudar as pessoas da melhor forma possível,incentivando-as ao invés de repreendê-las,sempre acreditando em todos,até nas pessoas mais perversas.Como ela mesmo diz, nasceu pra ajudar os outros. Continuar lendo